• Nacionais (34)

    • ACHADOS E PERDIDOS

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      Voltando à ação para desvendar uma cadeia de crimes em Copacabana, o delegado Espinosa - personagem forte da literatura brasileira - confronta-se com figuras típicas do submundo carioca, como meninos de rua, prostitutas e matadores de aluguel.

    • ASSASSINATOS NA ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS

      Jô Soares

      Tudo parece bem no Rio de Janeiro da década de 1920 - menos para os imortais da Academia Brasileira de Letras, que começam a tombar mortos, um depois do outro. O comissário Machado Machado está obstinado em provar que os crimes não são mera coincidência, mas obra de um assassino. Em seu novo romance, Jô Soares (e o leitor) revisita uma deliciosa época da então capital do país e seus tipos exóticos e burlescos.

    • BELLINI E A ESFINGE

      Tony Bellotto

      Quem é Ana Cíntia Lopes? Por que Camila e Dinéia sumiram? Quem matou o dr. Rafidjian? Qual o segredo de Beatriz? Aos poucos, os mistérios vão se desvendando, até que a decifração do enigma final deixa o detetive Bellini perplexo, com um gosto horrível na boca. Romance policial na melhor tradição noir.

    • BELLINI E O DEMÔNIO

      Tony Bellotto

      O jovem detetive Remo Bellini tem de localizar um manuscrito perdido de Dashiell Hammett, o mestre do romance policial, e encontrar o assassino da bela Sílvia Maldini. Ambientado no Rio e em São Paulo, trata-se de um verdadeiro e eletrizante noir brasileiro.

    • BELLINI E O LABIRINTO

      Tony Bellotto

      No aguardado retorno do detetive Remo Bellini, uma trama de sequestros, música sertaneja e césio-137 no coração de Goiânia.

    • BELLINI E OS ESPÍRITOS

      Tony Bellotto

      Tudo indica que Arlindo Galvet morreu de causas naturais. A não ser por uma carta, com um recorte de jornal e 5 mil dólares, deixada sob a porta da Agência Lobo de Detetives. Em sua terceira aventura, o carismático detetive Remo Bellini envolve-se com a máfia chinesa, um centro espírita e algumas mulheres, enquanto investiga a misteriosa morte do advogado.

    • BERENICE PROCURA

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      No ano em que O silêncio da chuva - primeiro romance de Luiz Alfredo Garcia-Roza e estréia de seu personagem Espinosa - completa nove anos e ganha edição de bolso, surge a taxista Berenice, novo personagem-detetive, impelida a solucionar um crime por razões que nem ela entende.

    • BÍBLIA DO CHE, A

      Miguel Sanches Neto

      Em meio a um escândalo de corrupção que assola o país, um professor precisa localizar a mítica Bíblia do guerrilheiro Che Guevara.

    • BILAC VÊ ESTRELAS

      Ruy Castro

      Nesta sua estréia na ficção, Ruy Castro envolve Olavo Bilac num caso hilariante de espionagem industrial. Ao investigar a possível morte de seu amigo José do Patrocínio, Bilac vê-se enredado numa trama que inclui um fabuloso dirigível, um padre ambicioso e uma sedutora espiã portuguesa - tudo sob a atmosfera agitada da Belle Époque carioca.

    • BORGES E OS ORANGOTANGOS ETERNOS

      Luis Fernando Verissimo

      Após conhecer seu ídolo Jorge Luis Borges em Buenos Aires, o cinqüentão solitário Vogelstein vê-se no centro de um crime que envolve demônios arcanos, a cabala e a possibilidade de destruição da humanidade. Humor e inteligência nessa história em que os sinais do crime estão sempre à vista. A questão é como vê-los.

    • BR 163

      Tony Bellotto

      Lavínia foi largada num orfanato de freiras e cresceu querendo conhecer a identidade de seus pais; virou policial. Selene perdeu cedo a mãe e foi entregue pelo pai aos cuidados de uma cafetina; virou garota de programa. São elas as protagonistas destas duas histórias que se cruzam imprevistamente na BR 163.

    • CÉU DE ORIGAMIS

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      O delegado Espinosa está de licença. Recupera-se de uma facada que por pouco não acaba com sua vida. Por isso, quando uma bela mulher o procura para pedir sua proteção, ele trata de ajudá-la em caráter não oficial. Só não sabe que ela é a ponta de um labirinto de interesses, manipulações e mentiras em que poderá se perder.

    • DAS PAREDES MEU AMOR OS ESCRAVOS NOS CONTEMPLAM

      Marcelo Ferroni

      Quando o patriarca de uma importante família da elite carioca é assassinado em sua casa de campo, todos são suspeitos conforme décadas de tensões e ressentimentos sobem à superfície.

    • DIAS PERFEITOS

      Raphael Montes

      Sombrio e claustrofóbico, Dias perfeitos narra uma história de amor obsessivo e paranoico que consolida Raphael Montes como uma das mais gratas surpresas da literatura nacional.

    • ESGANADAS, AS

      Jô Soares

      Rio, 1938. Um perigoso assassino está à solta nas ruas. Seu alvo: mulheres jovens, bonitas e... gordas. Sua arma: irresistíveis doces portugueses. Com requintes de crueldade gastronômica, ele mata sem piedade suas vítimas, e depois expõe seus cadáveres acintosamente, escarnecendo das autoridades.

    • ESPINOSA SEM SAÍDA

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      Um morador de rua é encontrado morto com um tiro no coração num cul-de-sac no alto de uma ladeira de Copacabana. Ninguém o conhece, ninguém viu nada, ninguém ouviu nada. E quem, numa metrópole violenta como o Rio de Janeiro, se importa com a notícia de mais uma morte? Mais do que se importar, o delegado Espinosa faz da investigação desse crime enigmático uma questão de honra.

    • ESTA TERRA SELVAGEM

      Isabel Moustakas

      Romance de estreia de Isabel Moustakas, Esta terra selvagem é um thriller sangrento encenado numa São Paulo subitamente tomada por crimes de ódio.

    • FANTASMA

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      No décimo romance do premiado criador do delegado Espinosa, uma moradora de rua é possivelmente a única testemunha de um assassinato ocorrido em Copacabana.

    • HOMEM QUE MATOU GETÚLIO VARGAS, O

      Jô Soares

      Biografia de um anarquista fictício que, entre 1914 e 1954, percorre várias partes do mundo para cumprir uma gloriosa e desastrada missão: matar tiranos. Romance em que até a História (a verdadeira) parece coisa de humorista.

    • INFORMAÇÕES SOBRE A VÍTIMA

      Joaquim Nogueira

      Este romance narra a história do policial Venício, que começa a investigar por conta própria o assassinato de um amigo, também policial, tendo como cenário a boca do lixo da cidade de São Paulo, vista do interior do fusquinha do protagonista. Ficção de estréia do ex-delegado Joaquim Nogueira.

    • JANELA EM COPACABANA, UMA

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      Dois obscuros policiais cariocas são assassinados no intervalo de algumas horas. Encarregado do caso, o delegado Espinosa estará no terreno lodoso em que convivem corrupção, vidas paralelas, ambição e medo. Também terá de lidar com uma mulher insinuante, casada com um figurão da área econômica do governo federal.

    • JANTAR SECRETO

      Raphael Montes

      No novo romance da maior revelação da literatura de suspense no Brasil,um grupo de amigos organiza jantares misteriosos.

    • LEOPARDOS DE KAFKA, OS

      Moacyr Scliar

      Com seu humor característico, Scliar conta a história de um jovem russo que, em 1916, deixa sua aldeia para cumprir uma missão revolucionária a mando de Trotski. Por engano, ele recebe um texto de Kafka e o entende como uma mensagem cifrada. A situação kafkiana que se cria terá desdobramentos até no Brasil do golpe militar.

    • LUGAR PERIGOSO, UM

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      Em mais um capítulo da saga do delegado Espinosa, um professor com uma síndrome rara leva a investigação para o mais perigoso dos lugares: o interior da mente humana.

    • MEDO DE SADE

      Bernardo Carvalho

      Um homem é acusado de ter matado uma pessoa que participou com ele de uma orgia. Como não se lembra de nada, vai parar num manicômio. Convencido de que é vítima de um mal-entendido, tenta dar nexo às imagens confusas de sua memória, conversando com o interno que está trancado com ele numa cela escura.

    • MORTE DE RIMBAUD, A

      Leandro Konder

      Um milionário apaixonado por literatura francesa resolve sustentar cinco escritores que julga muito talentosos. Passa a chamá-los pelo nome de grandes autores franceses. Um deles, Rimbaud, aparece morto. Primeiro livro de ficção do filósofo Leandro Konder.

    • MORTE NOS BÚZIOS

      Reginaldo Prandi

      Em sua estréia na ficção policial, Reginaldo Prandi enreda o leitor numa trama surpreendente, desencadeada por um assassinato com características de sacrifício religioso. O delegado Tiago Paixão, que investiga o crime, acaba conhecendo os costumes de um terreiro de candomblé, descobre as intrigas entre os fiéis e precisa lidar com a ameaça de um conflito religioso violento.

    • NA MULTIDÃO

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      A investigação do atropelamento de uma pensionista da Previdência Social leva o delegado Espinosa a visitar a própria infância, evocando um acidente mortal com uma menina de onze anos. Entre jogos de sedução, chantagens, mentiras e um psicopata que não mede esforços para apagar o passado, o delegado corre risco de vida.

    • PERSEGUIDO

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      O delegado Espinosa é encarregado de um caso que envolve um psiquiatra acometido de forte sentimento de perseguição e um paciente que desaparece em circunstâncias misteriosas. Quinto livro de Luiz Alfredo Garcia-Roza protagonizado pelo detetive, que agora precisa distinguir os fatos da imaginação, separando a realidade do delírio.

    • SILÊNCIO DA CHUVA, O

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      A morte misteriosa de um executivo no centro do Rio; um segundo assassinato com requintes de crueldade. Cabe ao bibliófilo inspetor Espinosa descobrir o nexo entre os dois crimes numa complexa investigação.

    • VENTO SUDOESTE

      Luiz Alfredo Garcia-Roza

      Trama policial desencadeada por um homem que faz um estranho pedido ao detetive Espinosa: investigar um assassinato que ainda não ocorreu e cujo assassino será ele próprio. O homem ignora o motivo do crime, como vai cometê-lo e quem será a vítima.

    • VIDA PREGRESSA

      Joaquim Nogueira

      Depois do elogiado Informações sobre a vítima, o ex-delegado Joaquim Nogueira traz de volta o investigador Venício, que tenta agora descobrir o paradeiro do sedutor Anatole France Castanheira, dono do motel Deneuve. Vida pregressa é uma narrativa de ação, com reviravoltas inesperadas e descrições minuciosas do cotidiano da polícia civil de São Paulo.

    • XANGÔ DE BAKER STREET, O

      Jô Soares

      D. Pedro II, Sarah Bernhardt, Sherlock Holmes e mais algumas personagens misteriosas compõem este singular romance hilário-histórico.

    • XANGÔ DE BAKER STREET, O (EDIÇÃO ECONÔMICA)

      Jô Soares

      Um violino Stradivarius desaparecido, algumas orelhas cortadas e seus respectivos cadáveres trazem o famoso Sherlock Holmes ao Brasil. Porém aquilo que parecia um discreto caso imperial transforma-se numa saga cheia de perigos, tais como feijoadas, vatapás, mulatas, intelectuais de botequim, pais de santo e cannabis sativa.